top of page

Vigor | Negociações emperram e trabalhadores cobram definição

Após diversas reuniões com a empresa Vigor, na unidade que está localizada no município de São Caetano do Sul/SP, as quais contaram com a participação da comissão de trabalhadores e do sindicato, as negociações emperraram em relação a parte econômica. Na última terça-feira (21) o sindicato realizou três assembleias, nos períodos da manhã, tarde e noite com os trabalhadores para mantê-los informados a respeito do andamento das negociações Houveram alguns avanços em relação à reivindicações pontuais por parte dos trabalhadores, no que se refere à: acertos de condições de trabalho, atendimento médico, descontos do VT e VR nas férias, horas negativas referentes a dias que não houve produção, implantação do sábado sim/sábado não, além de outros itens.

Infelizmente na parte econômica não houve avanços, o que está deixando os trabalhadores bastante ansiosos, já que desde o mês de maio estão esperando pelos novos valores de salários e benefícios, principalmente a cesta básica.

Ficou acordado nas assembleias que por enquanto iremos continuar negociando por mais algumas semanas, se não houver avanços, a greve não está descartada.


As reuniões e as assembleias foram conduzidas pelos dirigentes Abel Carvalho, Antônio Araújo, Maria Goreth e Rubens Gomes, os quais contaram com o apoio do dirigente Batista e do companheiro Edson Antunes.


Komentarze


bottom of page