TRABALHADORES DA YOKI RECUSAM NOVA PROPOSTA DA EMPRESA GENERAL MILLS



Na nossa 1ª reunião, na quarta-feira, 27/07, na sede do sindicato em São Paulo, os representantes da empresa Yoki, o Sr. Marcelo (gerente de RH) e o advogado Cleber (departamento jurídico contratado) foram recepcionados pela comissão de trabalhadores que tinham muitas coisas para falarem e muitas perguntas para serem respondidas.

Após várias tentativas de explicações e sem conseguirem convencer ninguém, diante dos atos praticados pela empresa naquele fatídico dia 20/07, os representantes da empresa receberam das mãos do nosso presidente, o Sr. Orlando, a pauta de reivindicações elaborada, mais cedo, pelos trabalhadores e dirigentes sindicais.

Verificaram que a nossa pauta era bem mais completa e muito bem elaborada diante daquilo que eles tinham apresentado como proposta, pois a nossa pauta contempla todos os trabalhadores envolvidos, ou seja, os que serão transferidos para outras unidades (+ ou - 20 colaboradores), aqueles administrativos/corporativos e do desenvolvimento do produto que permanecerão na planta de S.B.C. (+/- 150 colaboradores) e aqueles que serão demitidos (quase 300 funcionários).


Na segunda reunião, dia 01/08, segunda-feira, a empresa veio com uma proposta um pouco melhor, se comparada aquela que eles apresentaram no dia 20/07, porém ainda muito distante das nossas reivindicações. Apesar de terem contemplado alguns pedidos como o aumento os meses para uso do convenio médico, garantias da nossa CCT, inclusão do vale alimentação na proposta pelo mesmo tempo do convenio médico, proporcionalidade do P.L.R 2016/2017, carta de referência/P.P.P, custeio de curso para qualificação e requalificação, pagamento da viagem e hotel, por até uma semana para casal ir visitar a nova cidade e buscar imóvel para locação no caso das transferências, pagamento da mudança, e o pagamento de todas as passagens de ida para a família.


Sem sombra de dúvidas eles avançaram, como podemos notar comparando as duas propostas, mas ainda estão longe de contemplar os anseios e o merecimento dos trabalhadores.

Ontem, terça-feira, 02/08, apresentamos a proposta da empresa na assembleia realizada com todos os trabalhadores e a mesma foi rejeitada.

Preparamos então, com a anuência dos trabalhadores, uma contraproposta que já foi entregue ontem, terça-feira, 02/08, pelo nosso dirigente e funcionário da empresa Edivan.

Estamos aguardando para esta semana um novo posicionamento da empresa, para que possamos levar para os trabalhadores em nova assembleia.

Conduziram mais esta assembleia vários dirigentes da nossa entidade que contaram com o apoio dos companheiros David e Edson.

Nos reservamos o direito de corrigir quaisquer erros ortográficos e/ou de digitação.


#Yoki #Terrorismo #GeneralMills

32 visualizações

SEDE

Avenida Celso Garcia, 1588 | Belém | São Paulo - SP

CEP 03014-000 | (11) 3019-3966 | (11) 2618-1422

SUBSEDES

Osasco: Rua Antônio Biscuola, 28 | Centro - SP

CEP 06097-140 | (11) 3682-9501

São Caetano: Rua Amazonas, 430 | Centro - SP

CEP 09520-060 | (11) 4224-6569